27.3 C
Rio Branco
quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024
O RIO BRANCO
Coluna Esplanada

Lula da Silva blindou contra o Centrão os vice-presidentes da Caixa Inês Magalhães e Marcelo Bonfim

Publicado em 18/12/2023 05:12

Balela de Maduro
Um presidente ditador que diz conversar com o finado antecessor em forma de passarinho renderia problemas para seu povo. Nicolas Maduro agora quer invadir a Guiana, sem respaldo de nações democráticas – em especial os vizinhos – comprou briga com o Governo dos Estados Unidos e irrita o Exército Brasileiro. Tudo marketing para ganhar as eleições levantando a bandeira do patriotismo. As relações dos militares do Brasil com a Venezuela sempre foram as melhores. Eles têm conversado muito nos últimos dias. De toda forma, por questão de soberania, o Governo brasileiro enviou 130 da tropa para a fronteira em Roraima. Um soldado desastrado tombou um caminhão com carga e já deu prejuízo. Porém a maior preocupação do Exército é um vexame internacional caso tenha que manter a ordem na fronteira: não há orçamento extra para isso. A caserna está com saldo contado e os recursos bélicos são escassos.
Tarifas às alturas É o golpe de todo fim de ano, com leniência da Agência Nacional de Aviação Civil. As três grandes companhias aéreas elevam tarifas às alturas, “quebram” voos diretos em uma ou duas escalas, e fazem o passageiro viajar até 23h em trechos domésticos cuja duração teria menos de 2 horas. Só falta os comissários cobrarem o ar da cabine.

Defensor geral
Perto do fim do mandato como Procurador-Geral de Justiça de São Paulo, Mário Sarrubbo amplia influência dentro do MP. O maior trunfo é a proteção a promotores e procuradores de procedimentos disciplinares, sobretudo em Brasília. Sarrubbo negociou o arquivamento de mais um processo contra seus liderados que corria na Corregedoria Nacional do MP.

Protegidos na Caixa
O presidente Lula da Silva blindou contra o Centrão os vice-presidentes da Caixa Inês Magalhães (Habitação) e Marcelo Bonfim (Governo). Ela tem o apoio do Ministro das Cidades, Jader filho. Já Bonfim é protegido por Rodrigo Pacheco e a bancada mineira.

Ceia barata
Uma pesquisa realizada pela Ticket revela que 28% dos entrevistados pretendem mudar o cardápio para deixá-lo mais barato (ano passado, esse índice foi de 47%); 62% gostam de participar do conhecido amigo secreto nas confraternizações de fim de ano; 31% presentearão apenas familiares de 1º grau e 7% não pretendem presentear ninguém.

Acordo da Braskem
O juiz da 3ª Vara Federal em Alagoas, André Luís Granja, rejeitou ação proposta pelo Governo alagoano para anular acordo da Braskem com o município de Maceió firmado em julho. A empresa deve manter repasses para a prefeitura. O valor total do acordo foi de R$ 1,7 bilhão e a prefeitura ainda tem para receber da petroquímica mais de R$ 1 bilhão. Parte dos recursos recebidos foi empregada na aquisição de um hospital.

ESPLANADEIRA
#  Hotel LSH LifeStyle oferece Super festa de Réveillon no Rio. # Ministério da Saúde anuncia dia 14 lançamento de Políticas Nacionais para Cuidados Paliativos. # Alerj aprovou dia 14 criação da Secretaria de Estado de Segurança Pública. # COP 28 define compromisso de triplicar as fontes renováveis; Brasil tem oportunidade de assumir protagonismo. # Jean-Carlo de Castro é eleito novo presidente da Abrig. # Escritório Kincaid recebeu dia 13 medalha Tamandaré, maior honraria concedida
pela Marinha.

Artigos Relacionados

A desoneração da folha de pagamento não diminuiu a arrecadação da Previdência

Leandro Mazzine

Bolsonaro salva Moro ?

Leandro Mazzine

O Partido Liberal do Rio Grande do Sul realiza amanhã a filiação de dois centenários fãs de Jair Bolsonaro

Jamile Romano

Os partidos políticos destinaram no ano de 2023 mais de R$123 milhões para fundações partidárias, aponta levantamento da Coluna

Jamile Romano

Mesmo depois de lesar milhares de clientes, a 123 Milhas continua operando e dando golpe em passageiros

Jamile Romano

400 parlamentares a favor de PEC que limita STF

Marcio Nunes