27.3 C
Rio Branco
quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024
O RIO BRANCO
Política

Lula entra em recesso após Natal e retornará em 3 de janeiro

Publicado em 04/01/2024 05:01

O presidente Luiz Inácio Lula da Silva entra em recesso nesta terça-feira (26) e só deve retornar no ano que vem, em 3 de janeiro. O anúncio foi feito durante a abertura da reunião ministerial no último dia 20 de dezembro. O resto da reunião seguiu de maneira fechada.

O presidente deve passar o recesso na base naval de Restinga da Marambaia acompanhado da família e da primeira-dama, Janja.

Durante a última reunião ministerial de 2023, que aconteceu no Palácio do Planalto, Lula elogiou a articulação do governo.

“A gente vai continuar no ano de 2024 com esse mesmo jeito de governar: conversando com todo mundo, perde alguma coisa, ganha outra coisa, mas estabelecer como regra extraordinária a capacidade de conversação, a capacidade do diálogo”, disse.

O diálogo com os partidos e foco nas negociações no Congresso Nacional são apostas do presidente para 2024

“Pobre do governante que acha que pode trocar a mesa de diálogo por uma metralhadora, por um fuzil ou por um canhão. Quando se chega a essa tomada de posição, aí a ignorância venceu a inteligência”, acrescentou.

Com exceção do ministro Carlos Lupi, da Previdência, todos os ministros participaram da reunião de balanço do primeiro ano do governo Lula 3. Também estavam presentes líderes do governo, o assessor especial Celso Amorim e presidentes de bancos públicos, da Petrobras e dos Correios. Lupi foi representado pelo secretário-executivo, Wolney Queiroz.

[G1]

Artigos Relacionados

Roberto Duarte destina mais de R$ 1 milhão para compra de caminhões caçamba para Mâncio Lima

Jamile Romano

Lula é é aprovado por 38% da população; 51% aprovam sua maneira de governar

Marcio Nunes

Lula não irá dividir Ministério da Justiça e Segurança Pública

Marcio Nunes

Receita suspende ato do governo Bolsonaro que ampliou isenção de imposto para igrejas

Jamile Romano

Lula sanciona orçamento com 50 mil vagas para concursos

Jamile Romano

Zanin é sorteado relator de ação de Bolsonaro contra inelegibilidade

Jamile Romano