27.3 C
Rio Branco
quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024
O RIO BRANCO
AcreUncategorized

Em defesa de Gladson, Pedro Longo diz que denúncia ainda não foi aceita pelo STJ

Publicado em 05/12/2023 03:12

Na sessão desta terça-feira (5) na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac), o deputado Pedro Longo (PDT) utilizou a tribuna para discutir o andamento do processo da Procuradoria Geral da República (PGR) em relação ao governo Gladson Cameli (Progressistas). Em uma abordagem marcada pela defesa do contraditório e da presunção de inocência, o parlamentar destacou a importância da denúncia, mas questionou a fundamentação do pedido de afastamento.

O deputado ressaltou que, se aceita pelo STJ, a denúncia permitirá ao governador Gladson Cameli exercer seu direito à defesa, aliviando as preocupações legais. No entanto, criticou o pedido de afastamento, classificando-o como uma medida trágica e sem fundamento, especialmente considerando que a empresa Murano não presta serviços ao estado há cerca de três anos. “Me parece mais uma tentativa de não deixar a famosa a operação Ptolomeu cair no esquecimento”, disse.

O pedetista expressou ainda sua confiança no sistema judicial para esclarecer os fatos. Ele também observou a evolução nas cifras do suposto desvio, inicialmente estimado em 830 milhões e agora reduzido para 10 milhões, dos quais seis poderiam ter resultado em benefícios indevidos.

“Não sei se vocês se recordam, mas, inicialmente se falava de um desvio de 830 milhões e eu me perguntava, como pode um desvio desse valor se a folha de pagamento está em dia? Se estão pagando os fornecedores? Não fazia sentido algum, o estado iria quebrar. Hoje, se fala em 10 milhões, vejam como a realidade vai se impondo com o tempo.  Enfim, mas confio na justiça para esclarecer todos os aspectos do caso. Agora, o governador Gladson Cameli terá a oportunidade de apresentar seus esclarecimentos nos autos”, finalizou.

[Agência Aleac]

Artigos Relacionados

Estado entrega resultado do edital de chamamento público do programa Minha Casa Minha Vida à Caixa Econômica

Jamile Romano

MP do Acre consegue interditar atividades em creche por maus-tratos

Jamile Romano

Acre fecha 2023 com redução de 45% no número de focos de queimadas

Jamile Romano

Presos monitorados não poderão frequentar ou se aproximar das festividades de Carnaval

Jamile Romano

Um dos pioneiros da comunicação gospel no Acre, pastor Gilberto Cabral completou 40 anos de cristão na noite de Natal

Jamile Romano

Representantes do governo se reúnem com o MPAC para alinhar estratégias de segurança durante o Carnaval

Jamile Romano