27.3 C
Rio Branco
quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024
O RIO BRANCO
AcreGeral

CPF irregular pode bloquear pagamento do Bolsa Família

Publicado em 27/12/2023 12:12

O Ministério do Desenvolvimento Social (MDS) emitiu um alerta relevante que pode impactar milhões de beneficiários do Bolsa Família a partir de janeiro de 2024. O comunicado destaca que CPFs irregulares registrados no Cadastro Único podem resultar no bloqueio do pagamento do programa social. Embora o bloqueio não encerre completamente o auxílio, ele impede a liberação dos recursos até que as irregularidades sejam corrigidas. Em casos mais graves, pode ocorrer o corte do benefício.
Instrução Normativa 33/2023: CPF irregular e bloqueio no Bolsa Família
A Instrução Normativa 33/2023 do Ministério do Desenvolvimento Social esclarece que as irregularidades no CPF, quando identificadas no Cadastro Único, serão motivo para o bloqueio de benefícios do Bolsa Família. Essa medida visa garantir a correção de dados e a regularização do CPF para manutenção do benefício.

Erros no CPF que podem bloquear o pagamento do Bolsa Família

O MDS divulgou oficialmente os erros no CPF que não serão aceitos em relação ao titular do pagamento do Bolsa Família. Entre eles:
• Estar suspenso junto à Receita Federal: Isso ocorre quando os dados estão incompletos ou quando não se justifica a ausência nas eleições.
• Ter sido cancelado pela Receita: Pode acontecer quando há bloqueio judicial em nome do titular ou se existem mais de um CPF com o mesmo nome.
• Pendente de regularização: Situação em que o titular deixa de realizar a declaração de imposto de renda anual.
• Divergência de titularidade (erro no nome no documento): Quando há divergência no nome presente no documento. Esses erros podem levar ao bloqueio do pagamento do Bolsa Família, destacando a importância da regularização do CPF para evitar transtornos financeiros.
Como regularizar o CPF para não perder o Bolsa Família?
Para evitar o bloqueio do Bolsa Família devido a CPF irregular, é fundamental realizar a regularização. Os membros da família que possuem pendências no CPF estão sendo notificados sobre a necessidade de atualização, e é crucial agir com bom senso nesse contexto.
O processo de regularização junto à Receita Federal pode ser realizado pelos seguintes canais:
É importante notar que, após regularizar junto à Receita Federal, o próximo passo é atualizar os dados no Cadastro Único no Centro de Referência de Assistência Social (CRAS). No entanto, é necessário aguardar até um mês para que os dados atualizados na Receita sejam processados antes de comparecer ao CRAS.

 

[Catraca Livre]

Artigos Relacionados

Parceria entre governo do Estado e Conab assegura inclusão de agricultores indígenas no Programa de Aquisição de Alimentos

Jamile Romano

Governo anuncia pagamento de fevereiro para este sábado, 24

Jamile Romano

Justiça nega pedido de Ednaldo Rodrigues para voltar à presidência da CBF

Marcio Nunes

Prefeitura e Governo alinham estratégia para Inauguração da Via Chico Mendes

Marcio Nunes

“Caso Jonhliane”: Justiça decreta prisão de Ícaro Pinto por descumprimento de medidas

Jamile Romano

Samir Bestene cobra revitalização de ruas na Capital: “algumas intrafegáveis”

Marcio Nunes