27.3 C
Rio Branco
quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024
O RIO BRANCO
Esportes

Condenado por estupro, Robinho deve ser julgado pelo STJ em 2024

Publicado em 08/12/2023 10:12

Robinho, condenado a nove anos de prisão por estupro coletivo pela Justiça da Itália, deve ser julgado pelo Superior Tribunal de Justiça (STJ) do Brasil em 2024. A corte definirá se o ex-atleta vai cumprir a pena no país natal.

A última sessão de julgamento da Corte Especial do STJ está marcada para 19 de dezembro. Não há tempo hábil para realizar todos os trâmites jurídicos para definir a homologação da pena imposta pelo país europeu.

A Itália havia pedido a extradição de Robinho para cumprir a pena. No entanto, a Constituição veda a extradição de brasileiros natos. Assim, foi solicitada a homologação da pena na Justiça do Brasil para o cumprimento da pena no país sul-americano.

A Procuradoria-Geral da República (PGR) e o Ministério Público já defenderam que a pena seja homologada e Robinho a cumpra no Brasil. Segundo a PGR, todos os pressupostos legais e regimentais adotados pelo Brasil para o prosseguimento da transferência de execução penal foram cumpridos.

O caso Robinho

Robinho recebeu, em dezembro de 2020, a pena de nove anos de prisão no caso que investigava a violência sexual contra uma jovem de origem albanesa, em 2013. O caso teria ocorrido em uma boate na Itália.

[CNN Brasil]

Artigos Relacionados

Flamengo tem nova reunião por Léo Ortiz, e staff entra em rota de colisão com Bragantino

Jamile Romano

Abraçado pelo Maracanã, Filipe Luís se vê técnico do Flamengo

Marcio Nunes

Dorival cobra mudança de comportamento dos atletas e nega atrito com Neymar

Jamile Romano

Eliminatórias: Brasil perde de 1 a 0 para Argentina no Maracanã

Redacao

Eliminatórias: Brasil começa a se apresentar na Granja Comary

Redacao

Seleção brasileira perde para Argentina e fica fora dos Jogos de Paris

Jamile Romano