27.3 C
Rio Branco
quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024
O RIO BRANCO
Uncategorized

Com cheia do Rio Acre, conclusão de reforma da Ponte Metálica é adiada para março, diz Deracre

Publicado em 11/01/2024 09:01

A cheia do Rio Acre e o grande volume de chuvas acumulado nos últimos dias continuam provocando transtornos na capital acreana. Por conta do período de chuvas intensas, o Departamento de Estradas de Rodagens do Acre (Deracre) informou que a conclusão da reforma da Ponte Juscelino Kubitschek precisará ser adiada por 30 dias, o que levará as obras até o mês de março.

A Ponte Metálica, como também é conhecida, está interditada desde julho de 2023 devido a problemas estruturais. Segundo o Deracre, 75% das obras de reparos nas juntas de dilatação e substituição de amortecimento do tabuleiro da ponte.

“Como medida preventiva, em relação à cheia do rio e os efeitos que podem gerar, uma avaliação é feita diariamente pela equipe de engenheiros e técnicos do órgão”, explica o presidente interino Ronan Fonseca Lemos.

Ainda segundo o Deracre, a retirada de balseiros acumulados nos pilares das pontes sobre o Rio Acre vão evitar que a estrutura sofra danos enquanto as obras são concluídas. Uma embarcação e um flutuante de apoio estão ancorados no bairro da Base em regime de plantão de 24 horas para apoiar na retirada dos entulhos, de acordo com o órgão.

Apesar de continuar acima da cota de atenção, o nível do Rio Acre apresentou redução entre a terça-feira (9) e esta quarta-feira (10). O rio ficou próximo dos 12 metros, chegando a 11,92 e metros na medição das 13h de terça, e começou a diminuir. Na medição das 9h de quarta, o rio está em 11,24 metros, segundo a Defesa Civil Municipal.

A ponte foi interditada no dia 22 de julho, após equipes do Departamento de Estradas de Rodagens do Acre (Deracre) identificarem corrosão e desgaste em alguns pontos da estrutura durante avaliação.

Segundo o governo do Estado, o Deracre apresentou um laudo técnico orientando sobre a necessidade de revitalização da estrutura, que foi construída há mais de 50 anos, e a suspensão de passagem de veículos e pedestres.

A interdição causou alterações no trânsito da capital. A Ponte Coronel Sebastião Dantas, chamada de Ponte de Concreto, está funcionando no sentido de mão dupla.

Para isso, a Avenida Epaminondas Jácome, do trecho entre o Museu dos Povos Acreanos e a Praça da Bandeira, também está em duplo sentido. É permitido apenas a circulação de veículos pequenos, ambulâncias e ônibus de transporte coletivo nesses trecho.

Artigos Relacionados

Construção do elevado na Dias Martins irá aliviar congestionamento na região

Jamile Romano

Estado avança na regularização fundiária e apresenta perspectivas para 2024

Marcio Nunes

Governo do Acre apresenta planejamento da Segurança para o Carnaval

Marcio Nunes

Confira as novas regras para aposentadoria em 2024

Jamile Romano

Ivete Sangalo vence o troféu Bahia Folia com o hit Macetando

Marcio Nunes

Pagamento da 2ª parcela do 13º acontece nesta quarta; Veja quem recebe

Jamile Romano