27.3 C
Rio Branco
quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024
O RIO BRANCO
Política

Zanin é sorteado relator de ação de Bolsonaro contra inelegibilidade

Publicado em 04/01/2024 05:01

O ministro Cristiano Zanin, do Supremo Tribunal Federal (STF), foi sorteado para relatar o recurso apresentado pela defesa do ex-presidente Jair Bolsonaro (PL) contra a decisão do Tribunal Superior Eleitoral (TSE) que o tornou inelegível por oito anos.

Bolsonaro foi declarado inelegível por abuso de poder político e uso indevido dos meios de comunicação durante reunião com embaixadores realizada no Palácio da Alvorada, em 18 de julho de 2022. O julgamento foi encerrado em 30 de junho com o anúncio do resultado pelo presidente do TSE, o ministro Alexandre de Moraes.

O sorteio que escolheu Zanin como relator do recurso de Bolsonaro no STF excluiu os ministros Alexandre de Moraes, Cármen Lúcia e Nunes Marques. Os magistrados não participaram pois integram o TSE e já possuírem um posicionamento sobre o caso. O sorteio aconteceu no dia 19 de dezembro.

A defesa do ex-presidente questionou em agosto a decisão junto ao TSE. No entanto, os ministros da Corte Eleitoral rejeitaram os argumentos apresentados pelos advogados de Bolsonaro e mantiveram a condenação.

 

[Metrópoles]

Artigos Relacionados

Marcus Cavalcante alerta para risco de paralisação em obra de hospital de Feijó

Marcio Nunes

Barroso diz que alteração nas regras do STF não é necessária

Redacao

Receita suspende ato do governo Bolsonaro que ampliou isenção de imposto para igrejas

Jamile Romano

Lula anuncia Lewandowski para substituir Dino no Ministério da Justiça

Jamile Romano

Retrospectiva 2023: Meu compromisso com a educação é também compromisso com o Acre e o Brasil, lembra Socorro Neri

Jamile Romano

TSE aplica multa de R$ 15 mil a Bolsonaro por associar Lula ao PCC nas eleições

Jamile Romano