27.3 C
Rio Branco
quarta-feira, 21 de fevereiro de 2024
O RIO BRANCO
Acre

Acre tem a menor taxa de roubos dos últimos 10 anos

Publicado em 12/01/2024 10:01

A Secretaria de Estado de Justiça e Segurança Pública do Acre (Sejusp) finalizou o ano de 2023 com com redução do número de mortes violentas intencionais (MVI) e a menor taxa de roubos e furtos dos últimos dez anos.

O último levantamento feito pela Diretoria de Inteligência da Sejusp e pelo Centro Integrado de Estatística e Análise Criminal mostra que os números de MVI em 2023 em todo o Acre apresentaram uma redução de 13,98% em relação ao ano de 2022, com 203 vítimas de mortes violentas em 2023, e 236 mortes no ano anterior.

Porto Walter apresentou a maior redução, em 100%, com nenhuma morte em 2023, seguido de Tarauacá, que em 2022 teve 11 vítimas e em 2023 uma vítima.

O secretário de Segurança Pública em exercício, coronel Evandro Bezerra, destaca que outro dado relevante é a redução do crime de roubo. Levantamento comparativo de 2013 a 2023 mostra uma redução em dezembro de 2023, com 189 casos, em comparação ao mesmo período em 2013, que apresentou 314 casos.

“A Segurança Pública mostrou o resultado de um trabalho conjunto, e isso se refletiu no fechamento do ano. Dezembro de 2023 registrou o menor número de roubos no Acre, isso considerando os últimos 132 meses, ou seja, nos últimos dez anos, tomando por base os acionamentos do serviço 190 para atendimentos da referida natureza criminal”, observa o gestor.

Foi a primeira vez, depois de uma década, que o número de roubos não atingiu mais de 200 casos. O mês de dezembro de 2017 foi o ano que mais registrou aumento de roubos, com 818  casos acionados pelo serviço 190, seguido do ano de 2018, com 581.

O chefe do Departamento Integrado de Estatística e Análise Criminal (Dint) da Sejusp, Nilber de Lima, explica que, quando se fala de dados de MVIs, fala-se de seis áreas de análise que contam nos dados finais. “Temos cinco naturezas, sendo elas homicídio doloso consumado, com redução de 10,66%; latrocínio, com 33, 3%; morte decorrente de intervenção policial em serviço e fora de serviço, com 26,32%; lesão corporal seguida de morte, com 100% e feminicídio. Tivemos redução em quatro dos cinco pontos”.

A redução dos números é resultado de um trabalho intenso e contínuo do Sistema Integrado de Segurança Pública (Sisp), que vem atuando em todo estado de forma preventiva para cobrir todos os tipos de crimes, por meio de operações, capacitações e investimento em veículos e armamento.

 

[Agência de Notícias do Acre]

Artigos Relacionados

Defensoria Pública do Acre inaugura nova unidade em Rio Branco nesta segunda-feira

Jamile Romano

Inauguração do Museu dos Povos Acreanos, revitalização de espaços e diálogo com fazedores de cultura marcaram ações da FEM em 2023

Jamile Romano

Deputado Eduardo Velloso pede oração pela recuperação da filha que está na UTI

Jamile Romano

Estado abre processo seletivo para formação de cadastro-reserva ao cargo de profissional bolsista docente do Ieptec

Jamile Romano

Acre realiza 8,3 mil cirurgias pelo Programa Nacional de Redução das Filas

Jamile Romano

Luzes da conscientização: iluminação para o “Dezembro Vermelho e Laranja”

Marcio Nunes